Pastor travesti gera polêmica ao ser entrevistado no The Noite

Pastor travesti gera polêmica ao ser entrevistado no The NoitePastor travesti gera polêmica ao ser entrevistado no The Noite
Evangélicos que assistiam ao programa “The Noite”, no SBT, na última segunda-feira (2) ficaram indignados com as declarações dadas pelo pastor Marcos Lord, que é travesti.
Vestido de mulher Marcos, se apresentou como Luandha Perón e relatou que as igrejas evangélicas por onde ele passou não aceitaram sua homossexualidade até que ele se encontrou na Igreja Comunidade Metropolitana (ICM), onde hoje atua como pastor.
“Conheci [a igreja] em 2008, quando eu estava afastado por ter assumido homossexual. Comecei na Restauração, Batista, Deus é Amor até chegar na Assembleia. Hoje atuo como pastor na Comunidade”, disse ele ao apresentador Danilo Gentili.

Antes mesmo de se tornar pastor ele já se vestia de mulher e mesmo assim a denominação o escolheu para ser pastor. “Eu não escolhi ser pastor e a igreja me elegeu para isso. Eu já era drag queen e eu nunca imaginava [que seria eleito]. A igreja abraçou a plenitude da minha personalidade. Na igreja, normalmente, estou de pastor Marcos Lord. Mas já preguei de Luandha”, afirmou.
Quem assistia ao programa não aceitou a postura de Marcos e nem a unção que lhe deram. “Não é pastor. Palavra [Bíblia] fala sobre falsos profetas”, escreveu um internauta.
Pelo Twitter outro internauta questionou a unção. “Pastor travesti? Esse é o fim do mundo uma blasfêmia contra o Espírito Santo”.
Os telespectadores também comentaram sobre a ICM que é uma igreja inclusiva, isto é que aceita homossexuais sem pregar o que a Bíblia diz sobre tais relações. Para os internautas, pregar apenas uma parte da Palavra de Deus é blasfêmia.
“Igreja Gay ?! Sério Isso ?! To achando deboche com o nome de Deus! #TheNoite”, escreveu uma mulher. “Pastor Travesti esse é o fim do mundo uma blasfêmia contra o Espírito Santo…. #TheNoite”, disse outra internauta.
COMPARTILHAR:

+1

Não Consegue Ouvir ?

Participe Por SMS



Igreja