Deputados evangélicos e católicos fazem ato contra “cristofobia”

Deputados evangélicos e católicos fazem ato contra “cristofobia”Deputados cristãos fazem ato contra "cristofobia"
Parlamentares católicos e evangélicos resolveram reagir aos insultos realizados por eventos como Parada Gay, Marchas das Vadias e Marcha da Maconha e protestaram na Câmara na noite desta quarta-feira (10).
Imagens fortes, algumas delas com cenas de sexo explicito, foram usadas em um grande cartaz para denunciar que os eventos patrocinados com dinheiro público são usados para afrontar os cristãos.
É possível ver no cartaz a polêmica travesti crucificada que desfilou na Parada Gay do último domingo, além de outras imagens como os protestos de grupos LGBTs e feministas durante a visita do Papa Francisco ao Brasil. Em uma delas os vândalos colocam uma cruz no ânus diante de uma plateia formada por católicos.
Cansados com tanto desrespeito, os parlamentares usaram as mesmas armas dos manifestantes e além das faixas gritaram palavras de ordem exigindo respeito à religião professada por mais de 80% da população brasileira.
Deputados protesam
Deputados em torno do presidente da Câmara.
Os políticos cristãos se uniram em volta do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e de mãos dadas rezaram o Pai-Nosso. Alguns parlamentares que estavam presentes se incomodaram com a reza e reclamaram pelo fato de Cunha não ter impedido a realização do ato.
“Eu respeitei a manifestação, mas não pode ter nenhuma reza neste plenário”, disse o deputado Roberto Freire (PPS-SP), segundo a reportagem da Folha de São Paulo. “Vamos respeitar a República laica brasileira”, completou o homem no microfone sendo vaiado pelos parlamentares que participaram do ato.
COMPARTILHAR:

+1

0 comentários:

Postar um comentário

Postar um comentário

Não Consegue Ouvir ?

Participe Por SMS



Igreja